Em sua terceira individual na Galeria Luisa Strina, o pintor costa-riquenho Federico Herrero (n. 1978), conhecido pelo uso esquemático do espaço em obras que fogem à lógica representativa,  apresenta apenas trabalhos inéditos: uma série de monotipias sobre papel e um grupo de pinturas monocromáticas; além das suas tradicionais pinturas...

Nicolás Bacal: Movimento Aparente

Em sua segunda individual na Vermelho, o argentino Nicolás Bacal (n. 1985) ocupa todo o prédio principal e a fachada da Galeria. Dono de uma pesquisa em torno do tempo sensível e da vida emocional, Bacal apresenta obras que utilizam máquinas, sistemas matemáticos e materiais industriais munidos de inversões...

Hipervisão

Com curadoria do artista Sergio Romagnolo (n. 1947), "Hipervisão" apresenta obras de quatro jovens artistas que realizam pinturas mediadas por tecnologia para pensar a natureza da imagem e analisar seus limites. São: Felipe Morelatto, Lourdes Colombo, Luisa Almeida e Sandra Mazzini. "Hipervisão" Curadoria: Sergio Romagnolo Abertura: 7 de fevereiro, quarta-feira, 19h –...
A série Censored, produzida pela fotógrafa peruana Milagros de la Torre (n. 1965), foi realizada em 2000, fruto de uma pesquisa feita na biblioteca de língua espanhola mais antiga do mundo, a biblioteca da Universidade de Salamanca, onde pesquisou livros publicados entre os séculos XV e XVII que foram...

Resistências

Face à proeminência que os temas relativos às mulheres, sua produção e seus direitos têm tomado na esfera pública global e com o intuito de contribuir com este diálogo, Luciana Brito Galeria inaugura seu programa expositivo de 2018 com a exposição coletiva Resistências, um tributo às artistas mulheres de...

Arnaldo Pappalardo: “Cine”

"Cine", de Arnaldo Pappalardo (n. 1954), propõe uma reflexão sobre a ideia de movimento a partir de trinta obras inéditas que retratam situacões fisicamente instáveis. Ao contrário do que o título da mostra sugere, esta não inclui imagens em movimento, mas sim peças em suportes variados, desde impressões jato...
A obra de Maria Noujaim (n. 1986) nasce de movimentos conformados entre escultura e linguagem. Em sua primeira individual, a artista traz para a exposicão quatro movimentos inéditos e seus correspondentes simbólicos feitos por meio de aplicacões de vinil sobre as paredes, em um processo de espacializacão da linguagem...
O título desta coletiva, com curadoria de Pedro Caetano (n. 1979), faz referência a duas obras do pintor medieval Hieronymus Bosch e reflete, de acordo com o curador, a visão estereotipada dos paulistas sobre a capital carioca (incluindo preconceitos contra certos usos idiomáticos, de onde vem a falta do...

Vadios e Beatos

Esta coletiva de 18 artistas, com curadoria de Marcelo Campos, parte de uma afirmação de Gonzaga Duque (1863 - 1911), um dos primeiros teóricos da arte do Brasil, que retratou a sociedade carioca como "vadia e beata". Sua visão preconceituosa e pessimista, influenciada por teorias positivistas então em voga,...

Daniel Lie: Filhxs do Fim

Primeira exposição comemorativa dos 30 anos de atividade da Casa Triângulo, celebrados em 2018, a individual de Daniel Lie (n. 1988) "Filhxs do Fim" é composta por uma grande instalação homônima que ocupa a sala principal da Galeria. Variação da instalação Death Center for the Living, apresentada no Vienna...