O CCBB SP entra no clima da temporada de férias em julho e celebra o mês com uma programação cheia de opções para toda a família. Estreia da trilogia teatral infantojuvenil “Três Histórias de Amor para Crianças”. Exposição e atividades especiais, gratuitas e interativas do Programa Educativo do CCBB completam a programação. Confira a programação completa em ccbbeducativo.com ou na bilheteria do museu!

 

Férias de Julho

No mês de julho o Programa Educativo promove uma programação inteiramente voltada as férias escolares. As atividades estão programadas ao longo das semanas, junto as crianças, adolescentes e suas famílias, para que sejam desenvolvidas no Espaço de Convivência no mezanino.

O Espaço de Convivência convida o público ao encontro, à pausa, ao diálogo acessível a todos, acolhendo as pessoas nas suas singularidades e diferenças. Com esse espaço, o Programa CCBB – Arte e Educação busca formas de cumprir o compromisso com a acessibilidade, a diversidade, a inclusão e o protagonismo dos diferentes públicos. E oferece aos visitantes informações e elementos básicos para realização de uma visita autônoma às exposições.

Voltada as práticas artísticas e educativas, a programação das férias de julho conta com brincadeiras, apresentação musical com oficinas de construção de instrumentos, conversas para a conscientização sobre o meio ambiente e a qualidade dos alimentos, proposições para exercícios de movimento do corpo, dança, canto e contação de histórias.

Adeusinho
Classificação Indicativa: Livre
5, 6 e 7 de julho, 
12, 13 e 14 de julho, 
19, 20 e 21 de julho,
26, 27 e 28 de julho
Horários: 11h e 15h
Aproveitando a programação do projeto “Três Histórias de Amor Para Crianças”, que traz peças infantis para o CCBB SP, os educadores convidam o público para embarcar no universo do CCBB Educativo a partir das montagens assistidas. As atividades acontecerão logo após as apresentações.

Com a Palavra… com o jornalista convidado Daniel Toledo
3 de julho (quarta-feira) – 18h
Classificação Indicativa: Livre
Local: início no térreo na exposição VAIVÉM
Voltado para o público espontâneo, o Com a Palavra consiste em visitas mediadas realizadas por especialistas ou profissionais referência em temas diversos. Nesta edição, o dramaturgo e pesquisador Daniel Toledo visita a exposição “VAIVÉM”, em cartaz no CCBB SP.

Lugar de Criação
Durante o mês de julho, o Lugar de Criação ganha uma programação especial de férias com uma série de atividades voltadas para as crianças e suas famílias conduzidas por educadores convidados.

Como nasce uma obra de arte: Mãos à obra!
Com o educador convidado Raifah Monteiro
3, 4 e 5 de julho (quarta a sexta) – às 10h e 14h
Classificação Indicativa: Livre
A atividade propõe vivências inspiradas por culturas tradicionais, enquanto alguns exercícios de caráter coletivo vão sendo integrados as diferentes sessões do Lugar de Criação. Para a etapa inicial está prevista a produção de um painel com desenho e pintura e a confecção de adereços. A ideia central que orienta essa atividade é que uma obra passe a ser construída coletivamente, envolvendo diferentes participantes e linguagens.

Desde Pequeno: Entre esquetes e brincadeiras
Com os educadores convidados do Coletivo GrausunS
10, 11 e 12 de julho (quarta a sexta) – às 10h e 14h
Classificação Indicativa: Livre
Dois palhaços se encontram em uma brincadeira e começam a apresentar seus jogos. Atreladas aos passatempos tradicionais brasileiros, o lazer instiga o lado imaginário e lúdico do público reunido, trazendo conhecimento ao universo das experiências coletivas, e recriando situações, memórias e vivências afetivas do crescimento.

Trocação de histórias: Do direito à cidade: performance e mobilidade como escritas do corpo – Com o artista convidado Elilson
17, 18 e 19 de julho (quarta a sexta) – às 10h e 14h
Classificação Indicativa: Livre
Ao longo de três dias com atividades realizadas nos turnos da manhã e da tarde, os participantes serão convidados a experimentar as inter-relações entre arte da performance e mobilidade como “escritas do corpo” que expressam o “direito à cidade”. Através do compartilhamento de nossos percursos na cidade, de exercícios corporais, de ações performativas e releituras de textos e trabalhos artísticos, a atividade abordará as contrações entre as ideias de público e privado.

 

Eu faço meu brinquedo: Oficina de reciclagem criativa
Com a artista e educadora convidada Amarilis
24, 25 e 26 de julho (quarta a sexta) – às 10h e 14h
Classificação Indicativa: Livre
Com a utilização de resíduos domésticos, serão construídos objetos artísticos, instrumentos musicais e acessórios, estimulando os participantes para que se voltem a novos comportamentos, guiados por noções de consciência ambiental e sustentabilidade. A atividade busca ampliar a conscientização sobre a noção fundamental dos 3 Rs (reduzir, reutilizar e reciclar). Máscaras e fantasias, instrumentos musicais reciclados, maquetes arquitetônicas, bonecas reconstruídas, e utensílios para uso doméstico são alguns exemplos do que pode ser trabalhado com os participantes. Se há ênfase no trabalho rítmico, a coordenação motora, a musicalidade, o trabalho em grupo, a memória e a coreografia são campos de experimentação.

Múltiplo Ancestral – Comida musical, consciência funcional com a convidada Amarilis  
Classificação Indicativa: Livre
28 de julho (domingo) – 12h
Local: mezanino
Com uma proposta inovadora, criativa e positiva, o musical “O Planeta Agradece” aborda temas como os 5 Rs – Repensar, Reduzir, Recusar, Reutilizar e Reciclar, e visa expandir a consciência do público acerca do consumo descontrolado e lidar com o conhecimento do PREciclar (pensar antes de comprar). A música, a dança e o teatro são os meios artísticos utilizados nesta apresentação para a transmissão e o despertar de novas maneiras de pensar e atuar no mundo. A personagem Tekne, uma menina de outro planeta, ensina os costumes do seu lar, um lugar que reutiliza o lixo e tenta reduzir ao máximo o consumo de produtos desnecessários.

 

Compartilhar