O trabalho experimental, inovador e divertido de Nam June Paik teve uma profunda influência na arte e na cultura de hoje. Ele foi o pioneiro no uso de TV e vídeo na arte e cunhou a frase ‘electronic superhighway’ (‘superestrada eletrônica’) para prever o futuro da comunicação na era da internet. 

Esta grande exposição será um tumulto hipnotizante de imagens e sons. Ela reúne mais de 200 trabalhos ao longo de sua carreira de cinquenta anos – de robôs feitos de telas velhas de TV, até seus trabalhos de vídeo inovadores e abrangentes instalações do tamanho de salas como a deslumbrante Sistine Chapel 1993.   

Nascido na Coréia do Sul em 1932, mas vivendo e trabalhando no Japão, Alemanha e Estados Unidos, Paik desenvolveu uma prática artística colaborativa que atravessou fronteiras e disciplinas. A exposição olha para sua relação próxima com a violoncelista Charlotte Moorman. Destacará também parcerias com outros artistas de vanguarda, musicistas, coreógrafos e poetas, incluindo John Cage, Merce Cunningham e Joseph Beuys. 

Nam June Paik: The Future is Now
Abertura:
17/10/19
Visitação: até 09/02/2020; todos os dias, 10h-18h (sexta e sábado até 22h)
Tate Modern: Bankside, Londres, SE1 9TG. Entrada gratuita

Compartilhar