Uma pintura medieval do mestre italiano Cimabue, que passou despercebida por anos em uma casa na França, foi vendida em leilão por um valor recorde: 24,2 milhões de euros (ou 26,8 milhões de dólares). Uma guerra de lances em uma casa de leilões ao norte de Paris levou a obra a ultrapassar em muito a estimativa de venda, enquanto colecionadores lutavam para garantir a obra prima. A obra é um pequeno painel em têmpera e foi encontrada no último verão europeu, pendurada na cozinha da casa de uma idosa francesa.

Compartilhar