10 lugares para ver obras de arte ao ar livre

Quantos museus ao ar livre, além de Inhotim, você já ouviu falar? Ao redor do mundo, parques de esculturas e instituições especializadas em fazer as pessoas apreciarem arte e natureza ao mesmo tempo recebem milhares de visitantes todo ano! Dos Estados Unidos até o Japão, listamos dez desses lugares fascinantes!

No “novo normal”, conceito que as pessoas têm falado bastante sobre como o mundo será quando a pandemia do coronavírus for completamente erradicada, as pessoas devem compreender e conservar outras formas de se relacionar com o mundo. Mas já a partir de agora, ver arte em um espaço aberto, sem aglomeração e com bastante espaço para distanciamento social é uma boa, não é mesmo? Então seguem aqui as nossas dicas para isso!

Yorkshire Sculpture Park

O Yorkshire Sculpture Park está localizado em Wakefield, na Inglaterra. É um espaço no qual se encontra um grande jardim imponente, com campos abertos cheios de esculturas de artistas renomados como Joan Miró, Damien Hirst, Anish Kapoor, Ai Weiwei, Barbara Hepworth, Henry Moore, dentre outros. A lista de artistas impressiona e encanta quem visita o espaço. É uma instituição que está aberta desde o final dos anos 70, sendo considerada uma das pioneiras quando o assunto é museu a céu aberto!

The Hakone Open-Air Museum

Obra de Calder e obra de Dubuffet em diálogo

O museu, apresenta 120 esculturas de artistas de destaque em um terreno enorme de 70 mil metros quadrados. As esculturas ao ar livre incluem as de Auguste Rodin, Alexander Calder e Jean Dubuffet. Existem também pavilhões que apresentam mostrar internas, incluindo um especial de Picasso, com mais de 300 obras do artista. As outras quatro galerias exibem obras de arte de outros gigantes da escultura, como Alberto Giacometti. Tudo isso pode ser visitado em uma ida até o Japão, especificamente em Kanagawa.

Gibbs Farm

Obra de Alexander Calder

Gibbs Farm, o parque de esculturas particular de Kaipara, na Nova Zelândia, propriedade do empresário Alan Gibbs. A fazenda raramente está aberta para o público visitar. O espaço é conhecido internacionalmente por sua escala, qualidade e pura intensidade dramática. São 28 site-specifics de escultores como Anish Kapoor, Neil Dawson, Richard Serra e Maya Lin.

Storm King Art Center

Obra de Josephine Halvorson

Storm King é um parque de esculturas de importância mundial, localizado em um imenso terreno bem grande. Ele está localizado a mais ou menos 1h20 de carro ao norte de Manhattan, na cidade de Cornwall, no estado de Nova York. Durante muito tempo, foi se tornando conhecido principalmente como um destino para as pessoas irem fazer piquenique no outono, com o tempo, foi se tornando um dos mais importantes pólos de arte ao ar livre do mundo, atraindo ainda mais visitantes com outros propósitos.

Château La Coste

Em um dos lugares mais elegantes do mundo, na região da Provence, no sul da França, você pode ver mais de trinta grandes instalações de arte espalhadas por um campo verde e lindo, entre jardins e árvores centenárias. As obras de arte que ali estão incluem Louise Bourgeois, Ai Weiwei, Alexander Calder, Tracey Emin, dentre outros. Para os amantes da arquitetura, trabalhos de Tadao Ando e Jean Nouvel também fazem parte das atrações para serem apreciadas por ali.

Louisiana Museum of Modern Art

Obra de Alexander Calder

Fundada em 1958, com a intenção de funcionar como um “santuário” para os modernistas dinamarqueses, o espaço evoluiu rapidamente para um verdadeiro museu internacional, apresentando obras de artistas de todo o mundo. Localizada a 40 quilômetros ao norte de Copenhague, na Dinamarca, o museu tem um espaço ao ar livre dedicado a obras de arte, o Sculpture Park, com cerca de 60 obras de artistas como Richard Serra, Alexander Calder e George Trakas, maravilhosamente entrelaçados com a natureza.

Inhotim

Inhotim é uma instituição de arte brasileira com uma coleção de arte contemporânea com obras importantíssimas que ficam continuamente em exibição. Muitas das obras presentes ali são obras site-specifics e esculturas de artistas renomados, como Olafur Eliasson e Jorge Macchi. A instituição, localizada na cidade mineira de Brumadinho, é mais do que apenas um local de arte contemporânea, é complementado por um jardim botânico enorme, que faz com que você precise de mais do que um dia para visitá-lo.

Kröller-Müller Museum

O Museu Kröller-Müller, na Holanda, foi a segunda casa de Vincent van Gogh. O museu possui quase 90 pinturas e mais de 180 desenhos, tornando-se a segunda maior coleção de Van Goghs do mundo. Além disso, o museu abriga obras de mestres modernos, incluindo Claude Monet, Georges Seurat, Pablo Picasso e Piet Mondriaan. Mas para além disso, o local abriga um jardim enorme que contém uma série de esculturas e outros trabalhos imperdíveis.

Benesse Art Site Naoshima

Obra de Yayoi Kusama

Em um parque na ilha de Naoshima, no Japão, começaram a ser desenvolvidas em 1989 uma série de atividades e, desde então, desenvolveu uma grande variedade de atividades artísticas sob o nome Benesse Art Site Naoshima. Em 1992, foi inaugurada a Benesse House, um complexo composto por um hotel e um museu de arte. Com base no conceito de “coexistência da natureza, arquitetura e arte”, aproximadamente 70 obras de arte são exibidas não apenas dentro das instalações, mas também na floresta e na praia nas proximidades, entre elas obras de James Turrell e Yayoi Kusama.

Echigo Tsumari Art Field

Um parque localizado na região de Niigata, também no Japão, tem um dos eventos artísticos mais importantes do país: é a Trienal Internacional de Arte Echigo-Tsumari. Ocorre a cada três anos, durante dois meses no verão, artistas de todo o mundo criam e exibem de 100 a 200 novas peças de arte, além das instalações permanentes.