Renan Marcondes

por Julia Lima

Tempo de leitura estimado: < 1 minuto

Renan Marcondes é um artista que pesquisa os desdobramentos de seu próprio corpo em performances e instalações, objetos, desenhos, vídeos e inúmeras outras materializações. Essas explorações do corpo podem partir de sua própria carne ou de corpos alheios. Coreografias e obras teatrais que demandam extensas pesquisas também fazem parte de suas investigações, ora com resultados que envolvem a interação dos espectadores e a colaboração em peças que se constróem com o tempo, ora em formatos mais tradicionais em configurações de palco e público. 

Há um aspecto paradoxal no trabalho de Marcondes – a presença de elementos precisos como a matemática e o desenho técnico, objetos cotidianos e aparatos inanimados contrasta com a organicidade dos assuntos e sujeitos das obras, que acabam misturando a razão, o pensamento cartesiano e a lógica com a fisiologia e as habilidades motoras do corpo. “Exercícios para Retornar”, por exemplo, são desenhos feitos por uma das mãos do artista, enquanto a outra mão apaga sucessivamente. Já em “Estudo contínuo de reprodução”, o artista imprime fluidos corporais e pressiona partes do corpo sobre uma faixa de papel milimetrado para, depois, reproduzir em desenho, em outra faixa de papel, essas marcas e registros, exibindo ambas as faixas lado a lado.

Há também trabalhos em que o artista explora os limites corporais, criando dispositivos que podem ser “vestidos” ou portados – por ele ou pelo espectador – e que alteram os funcionamentos e funcionalidades dos membros. Esses objetos quase-esculturais são frequentemente criados para uso em conjunto com um ou mais parceiros, desafiando não apenas a gestualidade de um corpo mas obstruindo a proximidade, a intimidade e as possibilidades de encontro.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
pt_BR