A paisagem em foco em coletiva só com pinturas na Galeria Marília Razuk

Com curadoria do artista Rodrigo Andrade, a mostra “UM LUGAR LUGAR NENHUM: Paisagens contemporâneas” apresenta 35 telas de sete pintores radicados na cidade de São Paulo

Maria Andrade, Vista da horta do Luau dos Loucos, 2021. FOTO: Rodrigo Andrade

Nesta quinta-feira, 4 de março, a Galeria Marília Razuk, localizada no bairro paulistano do Itaim Bibi, fará a abertura da exposição UM LUGAR LUGAR NENHUM: Paisagens contemporâneas. Nesta mostra coletiva, são apresentadas 35 pinturas feitas por sete artistas que se dedicam à técnica e que já trazem em sua trajetória uma relação íntima com a paisagem em suas obras, compartilhando uma mesma linguagem pictórica, mas cada um com uma raiz singular.

Sob curadoria do artista Rodrigo Andrade, referência no que diz respeito ao universo da pintura contemporânea no Brasil, foram destacados Alexandre Wagner, David Almeida, Evandro César, Joaquim Pinkalsky, Link Museu, Maria Andrade e Mariana Serri, todos radicados em São Paulo. Esses artistas foram convidados para produzir obras a partir das paisagens observadas em uma horta urbana que fica na Zona Leste da cidade e onde há um riacho que separa os bairros de Cidade Tiradentes, Guaianases e Itaquera.

Link Museu, Ateliê aberto no Luau dos Loucos. FOTO: André Komatsu

Este momento funcionou não apenas como a disposição do objeto a ser retratado nas pinturas, mas como um ateliê aberto no qual os artistas puderam realizar trocas entre si sobre o tema da paisagem e sobre a pintura em si. Estão presentes na exposição obras produzidas durante essa imersão, além de obras criadas pelos artistas anteriormente. “Juntos, [esses artistas] trazem paisagens imaginárias e paisagens pintadas in locu, ao ar livre, formando um conjunto heterogêneo de pinturas que, não obstante, dialogam entre si”, explica Rodrigo. 

Para a mostra, o curador buscou promover o encontro entre um gênero tão tradicional e antigo, a pintura, e um contexto contemporâneo que considera “complexo, problemático e travado, ainda que potencialmente libertário”. Além disso, promoveu o encontro de artistas que trabalham ou têm influências em diversas linguagens, mas que se encontram na pintura, seja a pintura convencional na tela ou no pixo.

Mariana Serri, obra da série Chão (Pico e primavera), 2019.

Com o novo lockdown anunciado pelo Governo do Estado de São Paulo para os próximos 15 dias, a partir do sábado (6), é preciso atento às novas datas de encerramento da exposição que serão disponibilizadas em breve pela galeria. Para a visita nesta quinta-feira (4) e sexta-feira (5), é preciso fazer agendamento prévio pelos telefones 11 3079-0853 / 11 96082-3111 (Whatsapp) ou pelo e-mail contato@galeriamariliarazuk.com.br. Use máscara durante toda a sua permanência na galeria e mantenha o distanciamento social.

UM LUGAR LUGAR NENHUM: Paisagens contemporâneas
Curadoria de Rodrigo Andrade
Data: Sob agendamento, de 4 de março a 5 de maio (data de encerramento sujeita à modificação)
Local: Galeria Marília Razuk (R. Jerônimo da Veiga, 131 – Itaim Bibi, São Paulo)
Mais informações: https://galeriamariliarazuk.com.br/