Com a intenção de reconstruir a maior versão de uma das mais famosas obras de Felix Gonzalez-Torres, artista cubano radicado nos Estados Unidos, uma iniciativa selada pela parceria entre as galerias Andrea Rosen e David Zwirner espalha biscoitos da sorte por espaços por todo o mundo. Em 1990, o trabalho Sem título (Fortune Cookie Corner) foi montado em 1000 lugares diferentes, em uma escala global.

A ação se transforma, portanto, em uma exposição mundial, usando a obra Sem título (Fortune Cookie Corner) apresentada em várias montagens e formatos diferentes, dando a diversos públicos a chance de experienciar a obra de Gonzalez-Torres de maneiras únicas, embora diversas.

A curadoria foi da galerista Andrea Rosen, que pediu para mil pessoas de todo o mundo ajudarem a ativar a obra nos mil lugares, cada uma de uma forma diferente. Assim, criaram-se versões do trabalho de Gonzalez-Torres em vários lugares que poderiam ser acessados de forma segura durante a pandemia, podendo ser no próprio ambiente doméstico das pessoas.

Compartilhar