Antonio Obá faz instalação na igreja mais antiga de Amsterdã

Obá explora relações culturais transcontinentais decorrentes do colonialismo em instalação na Oude Kerk

Tempo de leitura estimado: 2 minutos
Instalação de Antônio Obá na Oude Kerk, em Amsterdam. (Crédito: Gert Jan van Rooij)

O artista Antonio Obá, nascido na Ceilândia, cidade-satélite de Brasília, é conhecido por explorar, por meio de suas obras marcantes, as relações de influência e contradição dentro da construção social e cultural do Brasil. Com o propósito de explorar o passado colonial que uniu o Brasil aos Países Baixos no século XVII, Obá fez uma intervenção artística em uma igreja em Amsterdã, capital holandesa. 

Vale lembrar que, entre 1630 e 1654, a Companhia das Índias Ocidentais ocupou parte da região nordeste do Brasil colônia, batizando o território de “Nova Holanda”. Esta ocupação promoveu o mercado de escravos, contribuindo fortemente para o enorme fluxo migratório transatlântico (involuntário, é claro) da época.

Os afrodescendentes que trabalhavam como soldados ou marinheiros nas expedições da Companhia e as pessoas escravizadas das colônias portuguesas formaram a base da comunidade negra de Amsterdã. Sem falar que o comércio de escravos e a exploração das colônias é indissociável do enriquecimento da capital holandesa. 

Instalação de Antônio Obá na Oude Kerk, em Amsterdam. (Crédito: Gert Jan van Rooij)

Oude Kerk significa em holandês “igreja velha” e, como o próprio nome já indica, ela é a igreja mais velha de Amsterdã, cujo edifício foi construído por volta de 1213. Ela é também o cenário escolhido por Obá para investigar questões de identidade racial e políticas por meio de suas instalações.

Ele próprio enfrentou um embate entre sua criação católica e sua origem africana desde muito jovem e toma as suas experiências pessoais como ponto de partida de seu trabalho. Sua obra questiona também o fato de as fundações da cultura e da história da arte brasileira terem, deliberadamente, ignorado as histórias das pessoas negras e indígenas, além de refletir sobre a ideia de identidade nacional. 

Instalação de Antônio Obá na Oude Kerk, em Amsterdam. (Crédito: Gert Jan van Rooij)

Por meio de sua instalação na Oude Kerk, Obá informa os visitantes sobre a conexão entre o tradicional ritual cristão e a disseminação do cristianismo no Brasil como um resultado direto da opressão colonial. Intitulada Path (Caminho) e criada especificamente para a igreja, a instalação conta com várias mídias incluindo escultura, pintura e performances. 

Serviço:

Path

Local: Oude Kerk 

Endereço: Oudekerksplein 23, 1012 GX Amsterdam, Países Baixos

Data: De 12 de maio a 13 de setembro de 2022

Horário: Todos os dias das 10h às 18h

Ingresso: Grátis

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support