As feiras de Miami começam em versão virtual para coroar um ano marcado por intermináveis eventos online

As galerias brasileiras participam em peso e criam projetos especiais para conquistar os colecionadores

Fabio Morais, na Galeria Vermelho
Fabio Morais, na Galeria Vermelho

Last but not least! Seria hoje a abertura de uma das semanas artsy mais esperadas do ano: Miami recebe anualmente, na primeira semana de dezembro, artistas, galeristas, colecionadores e entusiastas para a Art Basel e também para feiras paralelas como Untitled e Pinta. 

Mas esse ano tudo está diferente, mas nem tanto. Por causa da pandemia o frisson das aberturas, performances e jantares foi cancelado, mas ainda é possível comprar as obras online. Já perdemos as contas de quantas feiras aconteceram de forma virtual esse ano (foram demais!), mas só da marca Art Basel foram 5 versões do já tradicional “online viewing room” – contando com a dessa semana.  E as galerias brasileiras compareceram, impressionantemente, em peso. A Art Basel Miami Beach apresenta obras de 12 galerias nacionais, enquanto a Untitled aposta em 2 galerias brasileiras e a Pinta Miami, especializada em arte latinoamericana, expõe trabalhos de 4 espaços do Brasil.

A Mendes Wood DM aproveita a ocasião da feira para comemorar sua primeira década apresentando trabalhos que reúnem os valores e ideias-chave que acompanham a galeria desde sua fundação. Paulo Nazareth, Otobong Nkanga e Rubem Valentim são alguns dos artistas que estarão presentes na apresentação da galeria.

Arjan Martins na A Gentil Carioca
Arjan Martins na A Gentil Carioca

Outro destaque vai para a Galeria Luisa Strina, que faz uma viagem às Américas, mostrando diferentes estúdios pelo continente para contextualizar a arte contemporânea latino-americana e celebrar Miami como o ponto de encontro desta rica produção. A Portas Vilaseca Galeria apresenta as produções mais recentes do brasileiro No Martins, que através da arte coloca em foco questões como racismo, violência policial e encarceramento em massa. 

Ruth & Carolina, pintura do No Martins, na Portas Vilaseca Galeria
Ruth & Carolina, pintura do No Martins, na Portas Vilaseca Galeria

No projeto ‘todo poder à praia!’, da A Gentil Carioca, a praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, será transformada no espaço expositivo temporário da galeria durante a feira. Através de uma seleção especial de obras dos artistas Aleta Valente, Arjan Martins, Cabelo, Jarbas Lopes, João Modé, José Bento, Laura Lima, Marcela Cantuária, Maria Laet, Maria Nepomuceno, OPAVIVARÁ!, Rodrigo Torres e Vivian Caccuri, a arte irá se interconectar com a cidade e o mar, criando um imaginário convergente entre as praias de Copacabana e Miami. Quem não queria, afinal, estar comprando belas obras e tomando uns bons drinks na areia?

OPAVIVARÁ, na A Gentil Carioca
OPAVIVARÁ, na A Gentil Carioca
Sandra Cinto, na Casa Triângulo
Sandra Cinto, na Casa Triângulo
Tamar Guimarães, na Fortes DAloia Gabriel
Tamar Guimarães, na Fortes DAloia Gabriel