Marina Abramović e Ulay conversam depois de 30 anos brigados

Documentário inédito revela a primeira conversa do ex-casal e parceiros artísticos sobre vida, relacionamento, trabalhos e legado

Tempo de leitura estimado: 3 minutos
Marina Abramovic e Ulay
Marina Abramovic e Ulay

Seria possível separar vida e arte? Para os lendários artistas performáticos Marina Abramović e o Ulay esta é uma tarefa impossível. O fazer artístico, aqui, perpassa os 12 anos de história de amor e produção conjunta de modo que não seria plausível fazer um documentário abordando apenas a relação ou somente o trabalho.

Depois de 30 anos da épica separação na Muralha da China eles foram entrevistados por Kasper Bech Dyg na casa de Abramović, no estado de Nova York, durante dez dias em agosto de 2018. O resultado é o documentário “No Predicted End” que se desenrola com eles, sentados frente a frente, relembrando performances mais monumentais de seus anos juntos, entre os anos 1976 e1988, e discutindo seus pontos de vista em cada fase.

“Passaram-se cerca de 30 anos antes de Marina e eu fazermos as pazes novamente depois de uma pausa selvagem sem comunicação ou reunião. Muito ódio, antipatia e competição. E havia coisas entre nós sobre as quais nunca conversamos. Houve apenas silêncio. Mas agora, vamos cavar em nossas verdadeiras almas, corações e mentes, para abrir isso.” explica Ulay que faleceu em 2020.

Marina Abramovic e Ulay
Marina Abramovic e Ulay em No Predicted End


O dia 30 de novembro foi definitivamente uma data marcante para os dois. Como numa verdadeira história de filme, além de ser o aniversário de ambos, foi também a data em que se conheceram. Eles estavam participando de um programa holandês de TV sobre arte corporal. Para sua participação, Ulay havia pintado metade do rosto de drag – o que logo chamou a atenção de Marina que o achou “bonito tanto como homem quanto como mulher”. Ela apresentou sua performance Lips of Thomas que consistia em cortar uma estrela em sua barriga com uma lâmina. Quando a apresentação terminou, ele cuidou de suas feridas, e a partir daquele momento, iniciou-se uma parceria romântica e profissional. 

Durante todo o documentário, eles levantaram questões técnicas, debateram conceitos e potências de seus trabalhos, ficando evidente que nada passava despercebido por eles, nada foi despretensioso – o que faz jus a qualidade e notoriedade da dupla. 

É admirável, e por vezes emocionante, ouvi-los contar sobre o carinho e companheirismo que tinham um pelo outro. Ao relembrarem a célebre performance Rest Energy (Energia de descanso) de 1980, Marina comentou que na época lhes perguntaram porque a flecha era apontada para o coração de Marina e não de Ulay, mas o artista respondeu que o coração dela era também o dele. Ainda assim, ambos concordaram que não era possível prosseguir juntos. “Nós dois passamos pelo verdadeiro céu e inferno”, lembra Marina. “Nós nos exaurimos”, diz Ulay. 

Ulay e Marina
Ulay e Marina em AAA-AAA (1978)

O declínio começou quando trabalharam no Nightsea Crossing, uma performance que ocorreu por 90 dias nos cinco continentes de 1981 a 1987, onde eles, em jejum, ficavam sentados imóveis um em frente ao outro durante todo o horário de funcionamento da instituição escolhida.

O casal, que já havia realizado diversas obras pautando a violência e toxicidade de relacionamentos românticos, viu-se em um obra mais espiritualizada e menos dinâmica. O novo desafio resultou em brigas e culminou na separação que não poderia ter sido melhor representada do que por mais um trabalho: The Great Wall Walk (A caminhada da Grande Muralha), em 1988, onde partiram das pontas opostas da Muralha da China e se encontraram no meio para se despedir. 

O filme nos oferece uma reflexão sobre o legado dos dois, sobre como a expressão artística da performance evoluiu e para onde eles acreditam que ela irá no futuro. No Predicted End se torna relevante não apenas para conhecer mais do íntimo do ex-casal, mas também para mergulhar na complexidade de seus trabalhos, ainda que rapidamente.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support