Entenda o porquê do Louvre e da Uffizi estarem processando um site de conteúdo adulto

Site criou uma plataforma virtual com site e app para funcionar como guia interativo para descobrir a arte erótica em museus famosos por todo o mundo

Por que o Louvre e a Uffizi estão processando um site de conteúdo adulto? Na última semana, o site Pornhub provocou polêmica ao anunciar que realizaria ações envolvendo uma interação entre o universo pornográfico e grandes obras-primas da História da Arte. Para isso, lançaram um site especial e um aplicativo com o título Show Me The Nudes, onde há uma exposição online, Classic Nudes, com imagens de recriações de obras famosas por “estrelas” do universo pornô. Dentre elas, obras de Ticiano, Botticelli, Cezanne e Rembrandt. Os gestores do site afirmam que a iniciativa busca funcionar como um “guia interativo para descobrir a arte erótica nos museus mais famosos do mundo”.

Na primeira edição, atores e atrizes de filmes adultos encenam obras de arte das que pertencem a galerias de museus renomados, como do Louvre, do Musee d’Orsay, da National Gallery e da Uffizi. 

Para quem acha que as brigas judiciais foram travadas por uma questão moral: calma, não é nada disso. O Louvre e a Uffizi estão processando o Ponnhub por violação de direitos, exigindo também que a empresa remova as recriações das obras disponíveis na plataforma. Ao site Daily Beast, um representante da Uffizi afirmou que “ninguém concedeu autorizações para a operação ou uso da arte. Na Itália, o código do patrimônio cultural prevê que para usar imagens de um museu, obras compactadas para fins comerciais, é necessário ter uma permissão, que regulamenta métodos e define a taxa relativa a ser paga”.