Guy Brett: A Proximidade Crítica

MAM Rio

Tempo de leitura estimado: < 1 minuto

“Guy Brett: A Proximidade Crítica” é exposição tributo, homenagem e reconhecimento à longa dedicação intelectual e afetiva do crítico e curador inglês Guy Brett (1942) à arte brasileira, que promoveu como um admirador de artistas, principalmente, nos anos 1960. São expostas 36 obras de Antonio Manuel (1947), Waltercio Caldas (1946), Lygia Clark (1920 – 1988), Carla Guagliardi (1956), Jac Leirner (1961), Cildo Meireles (1948), Hélio Oiticica (1937 – 1980), Lygia Pape (1927 – 2004), Mira Schendel (1919 – 1988) e Tunga (1952 – 2016). A curadoria é de Paulo Venancio Filho, em colaboração com Luciano Figueiredo.

Aluísio Carvão, “Clarovermelho”, 1959. ©Espólio de Aluísio Carvão. Cortesia MAM Rio

“Guy Brett: A Proximidade Crítica”
Curadoria: Paulo Venancio Filho, Luciano Figueiredo
Abertura: 25 de novembro de 2017, sábado, 15h – 18h

Visitação: até 25 de março de 2018; terça a sexta, 12h – 18h; sábado, domingo e feriados, 11h – 18h
MAM Rio: Av. Infante Dom Henrique, 85, Rio de Janeiro. Ingressos: R$ 14 (inteira) e R$ 7 (meia); aos domingos, ingresso-família para até 5 pessoas a R$ 14 por grupo; grátis às quartas

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support