Objetos, para usar. Instrumentos para procesos

Fundación Jumex / Casa Luis Barragán, Cidade do México

Tempo de leitura estimado: 2 minutos

Abrem hoje (12/05) na Cidade do México duas exposições do artista alemão Franz Erhard Walther, um dos destaques da última Bienal de Veneza (2017). O Museo Jumex apresenta a mostra “Objetos, para usar. Instrumentos para procesos”, a primeira retrospectiva do artista no país e na América Latina, abarcando seis décadas de produção. A mostra traz uma seleção primorosa das várias séries e corpos de trabalhos de Walther, abordando os vários temas que predominaram ao longo de sua carreira: desde a ação como conceito operativo até a relação entre objeto, espectador e espaço que caracteriza sua aproximação com a arte.

No centro da exposição está a obra fundamental de Walther, 1. Werksatz (ou “Primeira série de obras”, 1963-1969), que pode ser considerada como a matriz conceitual, operativa e material de onde o resto de sua produção se desdobra. Possivelmente uma das obras mais radicais dos anos sessenta, a “Primera série de obras” desestabilizou as noções tradicionais de escultura e redefiniu o objeto, assim como sua relação com o espaço expositivo e com o espectador.

Já a Estancia Femsa – Casa Luis Barragán apresenta “Determinaciones de proporción” [Determinações de Proporção], uma investigação sobre os estudos e primeiros exercícios realizados pelo artista em suas tentativas de romper as barreiras entre pintura, escultura e performance. As obras são datadas dos anos 1960 até o presente, organizadas a partir de um projeto do próprio Walther para ocupar o estúdio de Barragán. Entre trabalhos em papel, papelão, metal e linho, o mais interessante da mostra é a possibilidade de “ativar” as peças: o público poderá “vestir”, “usar” ou seguir as instruções das obras, implicando seu próprio corpo ao acionar os objetos.

Objetos, para usar. Instrumentos para procesos
Abertura: 12/05, 11h-13h
Visitação: até 30/09/18; terça a domingo, 11h-20h
Museo Jumex: Miguel de Cervantes Saavedra 303, Colonia Granada, Cidade do México. Ingressos: $50 pesos (público geral)

Determinaciones de proporción
Abertura: 12/05, 11h-15h
Visitação: até 30/09/18; terça a domingo, 11h-20h
Casa Luis Barragán: General Francisco Ramírez 12-14, Colonia Ampliación Daniel Garza, Cidade do México. Ingressos: $400 MXN (geral), $200 MXN (estudantes estrangeiros)

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support