Obra interativa de Yayoi Kusama oferece diversão para a família toda

Inaugurada no último domingo na Tate Modern, visitação à obra de Kusama é gratuita e engaja a família toda

Tempo de leitura estimado: 2 minutos
Instalação Obliteration Room, de Yayoi Kusama.
Instalação Obliteration Room, de Yayoi Kusama.

Uma obra interativa da artista japonesa Yayoi Kusama chega ao Tate Modern para engajar e divertir a família toda. Intitulada Obliteration Room (Sala de Obliteração) , a  instalação consiste em uma sala inteira branca, de paredes brancas e de chão e tetos brancos. Esta sala é inteiramente ocupada por móveis e objetos brancos. 

Quando o visitante chega ao espaço, ele encontra disponível uma cartela de adesivos de bolinhas coloridas de diversos tamanhos diferentes, desenvolvidos de acordo com as especificidades impostas pela artista. O público, então, é convidado a colar os adesivos pela sala, em qualquer lugar, seguindo qualquer lógica pensada por eles mesmos ou nenhuma. A sala, antes inundada pela densidade do branco, é preenchida por pontos de cor, que vão engolindo-a pouco a pouco à medida que ela coleciona visitas. 

A obra, apesar de divertida e interativa, é uma síntese inequívoca da obra da consagrada artista que a criou. Kusama é conhecida por seus pontos coloridos, por cobrir figuras e superfícies inteiras com eles e é, para ela, uma forma de enxergar o mundo desde seus trabalhos mais incipientes. Nascida em 1929, Kusama já explicou em algumas ocasiões que este “padrão de pontos coloridos” teria sido iniciado por uma alucinação que ela relata ter tido quando criança.

Um dia, enquanto ela passeava por um campo de flores, as flores começaram a falar com ela e viraram infinitos pontos coloridos ao seu redor, de forma que ela se sentiu desaparecer em meio a eles, ou como ela diz, sentiu “obliterar-se”. Mais tarde, ela diria que “nossa Terra é apenas um ponto em meio a milhões de estrelas no cosmos. Pontos coloridos são um caminho ao infinito. Quando obliteramos a natureza e nossos corpos com pontos, nós nos tornamos parte da unidade de nosso meio”. 

A Obliteration Room de Kusama foi criada pela artista em 2002 e desde então já foi instalada nas mais diversas instituições do mundo. Em 2014, ela chegou ao CCBB e recebeu milhares de visitantes junto à outra instalação da artista, a sala Infinity Mirrors (Espelhos Infinitos).

Serviço:

Obliteration Room 

Local: Tate Modern 

Endereço: Bankside London SE1 9TG

Data: De 23 de julho a 29 de agosto de 2022. 

Funcionamento: Todos os dias das 10h às 18h. 

Ingresso: Grátis

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support