Ocupação Rino Levi

O Itaú Cultural apresenta a “Ocupação Rino Levi”, a primeira mostra da série no ano de 2020, homenageando este arquiteto considerado um marco na modernização e verticalização de São Paulo. Foi dele o conceito de construir a cidade em camadas: no centro, escritórios, serviços e entretenimento; nas bordas, os bairros residenciais.  A sua trajetória se funde com a história e a cultura daquela São Paulo que começou a despontar moderna.

Coube a este arquiteto e urbanista harmonizar e integrar arquitetura, artes e natureza. Ele assina muitos edifícios importantes, como o cine Ipiranga, o edifício Prudência, que ainda existe em Higienópolis, o primeiro hospital Einstein, etc. Um projeto dele concorreu com Niemeyer pela construção de Brasília. Levi perdeu a concorrência e os habitantes da cidade perderam a oportunidade de se locomover por ela a pé, ao contrário de hoje. No espaço expositivo, os visitantes podem conferir uma réplica tátil dessa maquete.

A 49ª exposição da série Ocupação tem concepção e realização do próprio instituto, que divide a curadoria com a Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU/USP). As equipes do Observatório Itaú Cultural e da Enciclopédia Itaú Cultural, formando a equipe de curadores, contaram com cocuradoria dos arquitetos e professores Hugo Segawa, Joana Mello, Mônica Junqueira, Renato Anelli e Tatiana Sakurai. O projeto expográfico é assinado pelo escritório de Stella Tedesco.