Retrospectiva de Regina Silveira no MAC-USP tem cerca de 180 obras

Com curadoria de Ana Magalhães e Helouise Costa, a mostra ‘Outros Paradoxos’ terá um período de duração de quase um ano e traz uma seleção grande de obras ao se debruçar sobre a trajetória de Silveira

Regina Silveira, Paradoxo do Santo, 1994

Até o dia 3 de julho de 2022, o Museu de Arte Contemporânea da USP (MAC-USP) recebe uma retrospectiva que se debruça sobre toda a trajetória de Regina Silveira, artista que estará também na coletiva principal da 34ª Bienal de São Paulo. Com curadoria de Ana Magalhães e Helouise Costa, a exposição Regina Silveira: Outros Paradoxos tem aproximadamente 180 trabalhos, entre instalações, gravuras, videoarte e outros, partindo de um pensamento que considera toda a “inquietação característica da atitude questionadora da artista diante da vida e da arte”. 

O título da mostra remete à obra Paradoxo do Santo, que foi incorporada ao acervo do MAC-USP em 1994. Um dos pontos principais da mostra é a caráter político que Silveira considera em sua produção. “Seu modo de problematizar a realidade à sua volta não passa pela abordagem de assuntos explicitamente políticos, ou pelo uso de imagens panfletárias. Ela trabalha nas entrelinhas, em aspectos aparentemente banais, mas reveladores das tensões e contradições sociais”, comentam as curadoras. 

Regina Silveira, Equinócio, 2002

A atualização de técnicas e materiais feita pela artista ao longo de sua trajetória também tem lugar especial na concepção desta mostra. Dessa forma, são pontuadas desde a experimentação com o uso de novas mídias na década de 1970 até os recentes processos digitais. Estão presentes na mostra também esboços de obras, maquetes, vitrines com documentos e vídeos informativos.

Regina Silveira, Sem título, 1971 – Álbum Middle Class & CO

Regina Silveira: Outros Paradoxos é uma mostra que faz parte da rede de expansão da 34ª Bienal de São Paulo, uma parceria do MAC USP com a Fundação Bienal de São Paulo, e reinaugura o anexo expositivo do museu que passou por uma reforma de readequação de seu piso em 2018-2019. Ideal para projetos site specific, instalações e obras de grande porte, o espaço está voltado para a experimentação artística. O museu pontua que reinaugurar esse espaço com uma exposição tão importante de Regina Silveira é reafirmar este caráter, próprio de um museu universitário público. 

Regina Silveira: Outros Paradoxos
Curadoria de Ana Magalhães e Helouise Costa
Até 3 de julho de 2022
Local: MAC USP (Avenida Pedro Álvares Cabral, 1301 – Ibirapuera)
Mais informações: http://www.mac.usp.br/mac/