Tania Bruguera: Sem Título (Havana, 2000)

MoMA, Nova York

Tempo de leitura estimado: < 1 minuto

Esta é a primeira vez que a instalação Sem Título (Havana, 2000), da artista e ativista cubana Tania Bruguera (n. 1968), é exibida desde sua recente aquisição pelo MoMA. Inicialmente concebida para a 7ª Bienal de Havana, em 2000, a peça foi apresentada no Forte Cabaña, um bunker militar usado como prisão durante a Revolução Cubana. Combinando cana-de-açúcar moída, vídeos de arquivo de Fidel Castro e uma performance realizada na quase total escuridão, Sem Título (Havana, 2000) foi exibida por apenas poucas horas em seu contexto original, antes de ser censurada pelo governo cubano. No MoMA, a instalação fecha às segundas, para manutenção.

Tania Bruguera: “Sem Título (Havana, 2000)”
Visitação: até 11 de março de 2018; sábado a quinta, 10h30 – 17h30; sexta, 10h30 – 20h
MoMA: 11 W 53 Street, Nova York. Ingresso: US$ 25,00. Grátis às sextas, a partir das 16h

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support