Art Basel Hong Kong 2018

Hong Kong

A edição de 2018 da feira Art Basel Hong Kong apresenta 248 galerias de 32 países e territórios. Enfatizando o compromisso da Art Basel com a região, metade das galerias participantes tem espaços expositivos na Ásia e no Pacífico Asiático. A feira oferece um panorama da diversidade artística da região, tanto por meio de produções históricas quanto de trabalhos inovadores e vanguardistas de artistas estabelecidos e emergentes.

Este ano a feira é dividida em 7 setores. Galleries apresenta as principais galerias de arte moderna e contemporânea do mundo, exibindo pinturas, esculturas, desenhos, instalações, fotografias, vídeos e obras digitais dos séculos XX e XXI. Insights traz projetos de galerias baseadas na Ásia e no Pacífico Asiático que representam artistas dessas regiões – da Turquia à Nova Zelândia, passando pelo Oriente Médio e Índia. Os stands também incluem projetos individuais, resgates históricos excepcionais e exposições temáticas. Discoveries é uma uma plataforma potente para lançar artistas contemporâneos emergentes, exibindo obras de uma próxima geração de talentos ainda nos primeiros anos de carreira. As galerias apresentam trabalhos criados especialmente para o evento.

A seção Kabinett apresenta exposições curadas, incluindo coletivas temáticas, mostras históricas e individuais de artistas em ascensão. Encounters é uma área com curadoria de Alexie Glass-Kantor, dedicada a esculturas de grande escala e trabalhos instalativos de importantes artistas do mundo todo – para o público, a seção é uma oportunidade única de conhecer obras que transcendem os stands tradicionais das feiras. Film tem curadoria de Li Zhenhua, diretor e fundador do Beijing Art Lab, e oferece uma interessante programação de curtas e sessões especiais por e sobre artistas. Por fim, o setor Magazines reúne publicações sobre arte de todos os continentes, em stands individuais e coletivos.

Quatro galerias brasileiras participam da feira de Hong Kong: Bergamin & Gomide, com trabalhos históricos de artistas como Lygia Clark, Hélio Oiticia e Joseph Beuys; Fortes D’Aloia & Gabriel, com presença também na seção Film; Mendes Wood DM; e Nara Roesler, com Julio Le Parc e Tomie Ohtake, entre outros.

Entre os destaques internacionais, a White Cube apresentará em sua filial de HK uma exposição com trabalhos inéditos de Antony Gormley, Rooting the Synapse, com abertura prevista para 26 de março. No stand da galeria serão exibidos trabalhos novos de Tracey Emin, Julie Mehretu e Liu Wei, além de obras de Damien Hirst, Theaster Gates e Wang Gongxin. Já a influente Lisson Gallery traz obras de Daniel Buren, Ryan Gander, Laure Prouvost, além do histórico Leon Polk Smith.

Preview (apenas para convidados): 27 e 28 de março de 2018
Vernissage: 28 de março, 17-21h
Visitação: 29 de março, quinta-feira, 13-21h
30 de março, sexta-feira, 13-20h
31 de março, sábado, 11-18h
Art Basel Hong Kong: Convention & Exhibition Centre, 1 Harbour Road, Wan Chai, Hong Kong, China. 28/03, HKD 950; 29/03, HKD 300; 30 e 31/03, HKD 400.