Damien Hirst e outros YBAs levantam milhões para universidade

Tempo de leitura estimado: < 1 minuto

A universidade Goldsmiths, onde inúmeros dos Young British Artists se formaram, irá abrir em setembro o Goldsmiths Centre for Contemporary Art graças à ajuda de alguns de seus mais ilustres ex-alunos. Damien Hirst, Sarah Lucas e Antony Gormley, entre outros, doaram obras que levantaram quase 2 milhões de dólares em um leilão da Christie’s, cobrindo quase metade do custo total do projeto, de 5,5 milhões (via artnet).

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
pt_BR