Cao Fei abre exposição em Londres

Serpentine Galleries, Londres

A Serpentine Galleries, em Londres, inaugurou na semana passada a primeira grande mostra institucional do artista multimídia chinês, Cao Fei, no Reino Unido. Intitulada “Blueprints” – que poderia se traduzir livremente como esquema ou planta – apresenta trabalhos de 2006 a 2020, incluindo a estréia de seu primeiro trabalho de realidade virtual, The Eternal Wave.

Cao Fei (nascido em 1978, Guangzhou) hoje vive e trabalha em Pequim, e desenvolve pesquisas e trabalhos em vídeo, mídia digital, fotografia e instalação que abordam o rápido desenvolvimento tecnológico do nosso tempo. Sua produção é sustentada por uma exploração contínua da virtualidade, como esse recurso alterou radicalmente nossa percepção e noção de identidade e a maneira como entendemos a realidade.

No centro da exposição, há um impulso para a construção de um mundo, para imaginar e construir novos universos para seus personagens, que atravessam períodos passados, presentes e futuros. Esse modo de pensamento mágico leva à criação de espaços reais e ficcionais, físicos e virtuais, uma série de projetos que nos levam além de uma realidade cotidiana singular.

Nascido em 1978 em Guangzhou, Cao Fei é um dos jovens artistas chineses mais inovadores que surgiram no cenário internacional. Vivendo em Pequim, ela mistura comentários sociais, estética popular, referências ao surrealismo e convenções documentais em seus filmes e instalações. Seus trabalhos refletem sobre as mudanças rápidas e caóticas que estão ocorrendo na sociedade chinesa hoje.