Christian Boltanski: Storage Memory

Power Station of Art, Xangai

A Power Station of Art apresenta a maior exposição do renomado artista francês Christian Boltanski já realizada na China. Nascido em 1944 e considerado uma das figuras centrais da cena artística europeia pós-II Guerra Mundial, as obras Boltanski geram profundo impacto por onde são exibidas. De acordo com o artista, enquanto memórias individuais podem se mostrar frágeis, ainda estão cheias de verdades únicas, razão pela qual ele frequentemente escolhe coisas cotidianas como matéria criativa para construir um arquivo da humanidade.

Organizada como uma retrospectiva, Storage Memory não apenas destaca as obras mais relevantes de sua carreira, mas também traz um novo projeto especialmente criado para a mostra do Power Station of Art. O trabalho foi comissionado para ocupar um espaço adaptado da instituição, um tanto inusitado: uma chaminé de 165 metros de altura. A experiência na exposição é profundamente imersiva, sendo os visitantes convidados a também participar de uma das empreitadas mais especiais de Boltanski, “The Archives of the Hearts (Les Archives du Coeur, 2005-)”, projeto em que os participantes gravam as batidas de seus corações, que são então integradas à obra.

Christian Boltanski: Storage Memory
Curadoria:
 Jean-Hubert Martin
Abertura: 25/04
Visitação: até 08/06/18; terça a domingo, 11h-19h
Power Station of Art: 200 Huayuangang Rd, 200011, Xangai, China.