Almeida & Dale inicia comemorações pelo centenário de Rubem Valentim

Tempo de leitura estimado: 2 minutos

‘Ilê Funfun: Uma homenagem ao centenário de Rubem Valentim’ começa no próximo sábado, 2.4, na Almeida & Dale Galeria de Arte para celebrar Rubem Valentim, artista baiano que faria 100 anos em 2022. 

Após a temporada em São Paulo, a mostra seguirá para o Museu Nacional da República em Brasília e para o Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM-BA). Na ocasião, será reinaugurada a sala especial de Rubem Valentim no museu. Por fim, será apresentada em Roma, onde Valentim viveu entre 1963 e 66, no Palazzo Pamphili, endereço da Embaixada do Brasil.

Pintor autodidata, Valentim começou sua trajetória nos anos 1940 e, ao lado de nomes como Mario Cravo Júnior, Carlos Bastos, Sante Scaldaferri, participou dos movimentos de correntes modernas da arte baiana. Desde o início da década de 1950, passou a submeter a abstração geométrica a referências africanas, criando uma linguagem própria de símbolos e emblemas que representam, principalmente, orixás. 

No título escolhido pelo curador da mostra, Daniel Rangel, Ilê significa casa e terreiro, o templo sagrado de culto aos orixás, e Funfun, a cor branca, uma referência àqueles que se vestem de branco, sobretudo da família de Oxalufã, o Oxalá velho, e Oxaguiã, o Oxalá moço. 

Templo de oxalá, 1977, Rubem Valentim; coleção MAM-BA
Templo de oxalá, 1977, Rubem Valentim; coleção MAM-BA

A exposição será dividida em três núcleos. O Templo de Oxalá, conjunto de obras com 20 esculturas e 10 relevos de Rubem Valentim que pertencem ao MAM-BA, será apresentado integralmente pela primeira vez em São Paulo e dá nome a uma das seções. 

Templo de oxalá, 1977, Rubem Valentim; coleção MAM-BA
Templo de oxalá, 1977, Rubem Valentim; coleção MAM-BA

O Ateliê é a parte da exposição que retoma o processo criativo do artista e contempla quadros que estavam sendo feitos quando ele morreu, em 1991, e suas ferramentas. Cronologia, por sua vez, apresenta sua trajetória por meio de recortes, documentos, arquivos pessoais, fotografias e cartazes.

 “O que é mais importante sobre Rubem Valentim está nesta exposição. Da religiosidade potente aos objetos que circundavam toda sua criação”, afirma Rangel.

Ilê Funfun: Uma homenagem ao centenário de Rubem Valentim

Data: 2 de abril a 14 de maio de 2022

Local: Almeida & Dale Galeria de Arte

Endereço: r. Caconde, 152 – Jd. Paulista 

Funcionamento: de segunda a sexta, das 10h às 18h; sábado, das 11h às 16h (exceto feriados)

Ingresso: grátis 

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support